domingo, 12 de março de 2017

Uso óculos desde os 4 anos e sempre odiei usá-los. Claro que em miúda era obrigada mas hoje em dia, pegar nos óculos assim que me levanto da cama é um gesto automático. Mas tive sempre um desejo secreto: usar lentes de contacto, apesar de saber que era impossível, pelo menos para o meu caso. Já perdi a conta ao números de armações que já experimentei em 25 anos e nunca gostei de nenhuma. Como tenho uma graduação alta, por normas são as armações que me escolhem. Ontem, voltei ao centro óptico e depois de ver muitas armações, apaixonei-me por umas que estavam em saldo! E o milagre aconteceu: é possível colocar lentes com a minha gradução naquelas armações. Infelizmente, as lentes não tem promoção e o par ultrapassa o valor do salário mínimo nacional. Para resolver um outro problema, tive de deixar os meus óculos na loja durante uma hora. Sem óculos vejo tão bem que ia ficar uma hora na loja. A funcionária teve pena de mim e aconteceu o impossível: usei lentes de contacto. Durante essa hora estive tão feliz que até me esqueci que nessa manhã falei numa futura cirurgia.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Ando atrasada e sem ideias para tudo.
Comprometi-me a fazer uma surpresa a uma amiga e não sei bem o que fazer.
Tenho cartas por escrever ( acabei de me lembrar de uma carta surpresa que tinha ficado esquecida).
Tenho de ir cortar o cabelo e organizar o dia de amanhã.

Bom, tenho é de ter força e não desistir.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017