domingo, 19 de abril de 2015

São sete da manhã. Acordei e não tenho sono mas sei que este chegará daqui a umas horas. Também não quero sair da cama. Sem qualquer objectivo, começo por procurar o meu nome no google. É a forma mais fácil de encontrar comentários ao meu livro e leio de novo as palavras que me fazem sentir que valeu a pena escrevê-lo.

Quando se luta contra uma doença sem cura, quando aceita lutar pela própria vida, quando e  se por acaso, ela nos der descanso para sempre é errado, totalmente errado, fizeram que x ou y perdeu a batalha.

2 comentários:

  1. só tenho receio da ressonância magnética ...

    ResponderEliminar
  2. Escreveste um livro? Adorava ler :)

    Abraço-te :)

    ResponderEliminar